Pages

sexta-feira, 4 de junho de 2010

As ultimas lembranças da Formatura.




  Aquela noite tinha tudo para dar certo, afinal, era o último baile da minha vida. O último baile da escola. Eu iria sentir falta dos meus amigos de longa data, dos professores pegando no meu pé e o ambiente agrádavel da escola. O DJ remixava uma música da Lady Gaga e eu estava com as minhas amigas rindo e dançando. Aquela festa estava bombando e com certeza, iria ser inesquecível. Foi quando eu vi Luke vindo em minha direção. Eu o amava havia um tempão, mas ele namorava a líder de torcida, Alice. "Oi!" ele disse com um sorriso estampado no rosto. Nós começamos a conversar e ele, sem querer, disse que ele havia terminado com Alice. Eu não sabia exatamente o que dizer. Um "Sinto muito" ou "Legal, tenta agora comigo!". Eu devo ter ficado muito tempo pensando no que falar pois ele chamou o meu nome umas 10 vezes. Eu estava muito dispersa desde que ele chegou. Aquele sorriso me hipnotizava e aquele perfume... Ele sibilou alguma coisa como: "Odeio Alice, eu devia ter tentado com alguém simples como você!". Ele me puxou para mais perto e me beijou. Eu sentia o gosto do hálito dele em minha língua.
Gritos eclodiram no saguão e eram tão altos que ultrapassavam o volume da música. 
Foi quando eu vi Alice vindo na minha direção com uma faca. A maquiagem dela estava borrada, dava para perceber que ela havia chorado. Ela gritou que eu havia roubado o namorado dela e que ela iria se vingar. Alice apareceu com uma faca e me atacou.
Eu senti a faca rasgando o meu vestido preto - o qual eu havia dedicado todo o meu tempo procurando -, e penetrando no meu peito. O sangue vermelho vivo saía de mim e escorregava entre meus dedos, se misturando com o carmim que coloria minhas unhas. Eu conseguia ouvir os gritos abafados das pessoas no saguão.
 Minha cabeça doía e aquela maldita música não parava... O DJ não percebeu que havia alguém sangrando? A dor se irrompeu dentro de mim e eu sentia a faca entrando e saindo de novo e aquilo, por incrível que pareça, não doía mais, pois eu pensava quantas coisas eu não havia feito, dito e terminado. Eu não achava que isso iria acontecer comigo. Não hoje. E as pessoas tentavam tirar Alice de cima de mim. Sem sucesso. Os olhos azuis de Luke foi a última coisa que eu vi. Aqueles olhos azuis profundos e reconfortantes. Foi quando a dor cessou, e o que parecia uma sirene de ambulância chegava cada vez mais perto. Tudo foi ficando escuro e um enfermeiro chegou. Ele se abaixou, colocou o dedo em meu pescoço e disse alguma coisa como "Ela não irá aguentar até o hospital".
O quê? Eu vou morrer? Não, não e não. Eu queria mais um beijo do Luke, eu quero um futuro!
Meu corpo foi ficando sem forças suficientes e me faltava o ar. Tudo ficou escuro. Não tinha mais volta. Aquela, definitivamente foi a minha última formatura, a minha última festa. O minha última chance de se divertir e ser feliz.

                 Na sintonia de: Neutro Star Collision (Love is Forever) - Muse ♪

2 pessoas "cronicaram" para mim!:

Jullie disse...

Meniina, que emoçãao *-* muito linda a historia :)

victória costa_ disse...

obg *-*

 
Template by tumblr.com Licença Creative Commons
This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Vedada a criação de obras derivativas 3.0 Brasil License.